quarta-feira, setembro 28, 2005

FRANZINGER LOUÇÃ
O Prof. Francisco Louçã disse hoje que mudar a lei do aborto é "um imperativo moral". A beleza do totalitarismo da extrema-esquerda revela-se no seu esplendor. Os valores que Louçã defende são "imperativos morais" (e muito provavelmente "categóricos"), os valores dos outros são "por interesses", "reaccionários" e "impostos pela sociedade capitalista". A estes, a extrema-esquerda gosta de contrapor um multiculturalismo feroz. Que na realidade não passa muitas vezes de um anticulturalismo da modernidade ocidental. Com esta frase, Louçã mostrou mais uma vez a sua verdadeira natureza. Um seminarista beato e autoritário. O rebanho que o segue merece-o.
STATLER

9 comments:

Anonymous satelite da lua said...

diria mais...é um imperativo moral, de interesse publico, e se for imposto pelos reaccionários e pela sociedade capitalista.. "agente" agradece na mesma.Fui multicultural, anticultural ou mostrei a minha verdadeira natureza? heim, heim?

7:47 da tarde  
Anonymous carneiro said...

Do rebanho somos todos nós.
Os que andam atrás do Louçã, mas também do Sócrates, do Mendes, do Jerónimo, do Castro, do... de... de todos!!!
É, aliás, a carneirada, metida nos varais à pedrada pela propaganda intoxicante, que legitima no poder a corja que mama à grande e à francesa!
Ah! Grande Portugal que dás de mamar a tantos FDP's.

8:46 da tarde  
Anonymous bicho said...

e digo mais: é fazer referendos até o resultado que interessa ao sôr louça sair vencedor.

8:47 da tarde  
Blogger Hawkman said...

Hum, já não me lembrava de ver cair "bombas" com tanto impacto desde a II Guerra do Golfo... XD

Totalmente apoiado!!

11:22 da tarde  
Blogger Bart Simpson said...

independentemente dos adjectivos que Louçã usa, o facto é que pessoas (só mulheres) podem ser presas...

9:48 da manhã  
Anonymous fidel said...

tal como eu o camarada xico é um verdadeiro democrata.

9:59 da manhã  
Blogger Victor Lazlo said...

É verdade mas não tem piada. Logo, este post deveria estar no Abrupto

10:49 da manhã  
Blogger Sociedade Recreativa Tralala said...

Não é um "imperativo moral" mudar uma lei que apenas resulta em mortes de mulheres?? hum... pois... "imperativo moral" devem ser coisas tipo escolher o próximo banana que irá presidir a nossa santa terreóla ou escolher o próximo corrupto que irá presidir a junta... pois... deve ser isso...

9:24 da tarde  
Blogger Elfo said...

e o banhinho do cão, está pronto?

11:37 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home