segunda-feira, setembro 03, 2007

AS CRIANÇAS SÃO O MELHOR DO MUNDO
Ao discutir princípios da antropologia moral kantiana com uma criança de cinco anos apercebo-me da beleza da inocência infantil, própria de quem não se preocupa com o nihilismo nietzschiano ou com o pessimismo de Schopenhauer nem muito menos com a variedade de sabores do Nestum. Quem desconfia da minha incapacidade de lidar com crianças fique sabendo que só nos desentendemos um bocadinho a propósito da síntese agostiniana e da personagem preferida no Noddy.
STATLER

2 comments:

Anonymous Rudolph-the-red-nose-reindeer said...

Ó Statler, mas as criancinhas de hoje ainda comem Nestum?! Pensei que só comessem Chocapic enriquecido em cálcio e Danoninhos com Ómega 3...:)

1:35 da tarde  
Blogger Afectos said...

Até à adolescência em que repetem em cada frase c... e f...Estamos a falar de religião ou literatura?

9:58 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home